Orey
Informação Institucional




Unsplashed background img 1

Estratégia

FOCO: Em 2017, a Orey decidiu focar-se no setor de Transporte e Logística, tendo decidido vender todos os outros ativos e passivos não relacionados, como o setor financeiro e os investimentos alternativos no Brasil. Consequentemente, a Orey poderá investir todos os seus recursos e esforços nos negócios de Transporte e Logística, com presença em Portugal, Espanha e África Subsariana, nomeadamente Angola e Moçambique, onde sempre ocupou uma posição de liderança.

CRESCIMENTO: Orey quer crescer e ter mais escala. Para conseguirmos isso a longo pazo, temos de crescer tanto organicamente quanto aproveitar as aquisições de plataforma, aproveitando as sinergias resultantes. Estamos numa posição privilegiada para tal, uma vez que podemos alavancar o nosso conhecimento da indústria de Transporte e Logística, bem como a nossa experiência em transações de fusões e aquisições.

OPORTUNIDADE: Com mais de 130 anos de flexibilidade, resiliência e conhecimento, queremos expandir o nosso modelo de negócios, aproveitando as oportunidades que surgirão. Acreditamos que a chave para o sucesso desejado, incorpora uma preocupação constante em cuidar de hoje, mas também para preparar ativamente para amanhã. Pensamento futuro, planeamento forte e execução perfeita.



Conselho Executivo



Governo Societário

A Orey é regulada pela CMVM e cumpre as regras estritas de governo societário, conforme determinado pela Euronext. O Conselho de Administração (“CA”) é composto por 6 Administradores, 3 dos quais são não executivos e 2 dos quais são independentes. A gestão corrente é da responsabilidadde da Comissão Executiva, existe uma Comissão de Vencimentos que é responsável pela fixação da remuneração do Conselho de Administraçãoe de mais membros dos orgãos sociais, existe uma Comissão de Auditoria, as contas anuais são auditadas por um Auditor Externo, que deve ser trocado a cada dois mandatos e, finalmente, as contas são apresentadas trimestralmente.


Responsabilidade social

Educação
Acreditamos que, no mundo de hoje, educar os informados excluídos é essencial para o desenvolvimento dos indivíduos e, consequentemente, para o desenvolvimento sustentado da sociedade em que vivemos. A escolarização é um momento primordial na construção da cidadania e, o conhecimento proporcionado pela escola ajuda o indivíduo a conhecer, diante da complexidade do mundo real, como se posicionar, orientar as suas atividades e fazer escolhas conscientes no dia-a-dia.
A educação é uma solução para a construção de um futuro melhor, por duas razões essenciais: proporciona aos cidadãos uma maior consciência dos seus direitos e obrigações para com a sociedade, permitindo-lhes tornar o ambiente mais justo, menos desiguais e de melhor qualidade de vida e melhora as qualificações do local de trabalho. Além disso, interligado com o crescimento econômico, permiritá que as bases sejam desenvolvidas para a criação de empregos e, subsequentemente, para o crescimento econômico sustentado.
Uma vez que consideramos fundamental a evolução de todos os cidadãos, estamos a apoiar o excelente trabalho realizado pela Associação Qe, uma Nova Linguagem para a Incapacidade, IPSS, em Portugal.
Em Angola, estamos a dar apoio às comunidades regionais, ajudando a construer uma escola primária. (Escola primária do km34).

Luta contra a Fome e a Pobreza
“Todas as pessoas têm direito a um padrão de vida adequado à saúde e ao bem-estar de sí mesmo e da sua família, incluindo alimentos, roupas, moradia, cuidados médicos e serviços sociais necessários.” Artigo 25- DeclaraçãoUniversal dos Direitos Humanos
Na Orey, pensamos que a comida e os meios mínimos de subsistência, bem como o ar, a água, o aquecimento e a luz, são os principaisdireitos de todo o ser humano. Sem esses direitos básicos, nennhum indivíduo pode promover a sua autoconfiança, viver feliz e desenvolver-se. Por essa razão, a Orey apoia as seguintes organizações:
Portugal - Banco Alimentar
Angola - Grupo Amizade

Preservação e Suporte à Vida
Infelizmente, há inúmeros casos nos nossos países de crianças abandonadas, de mães jovens sem apoio do governo ou das famílias e de famílias com crianças em risco de vida. Porque acreditamos que o direito à vida é o direito fundamental dos seres humanos, damos apoio a instituições que têm-se destacado em salvar várias crianças de um futuro sem esperança, como:

Portugal:
Ajuda de Berço
Movimento de Defesa da Vida (MDV)
Angola:
Grupo Amizade

Combate às Drogas
As drogas são uma adversidade que afeta um número crescente de jovens e destrói a felicidade e a harmonia de inúmeros lares em Portugal. Mais do que discursos moralistas, precisamos de instituições que façam a diferença, e há muitas, no entanto, precisam de ajuda constante.

Portugal:
Vale de Acor